Tal como nos livros, os filmes também têm, muitas vezes, mensagens ocultas que muitas vezes servem para criticar problemas históricos ou da sociedade atual. Contudo, não se percebem logo à primeira vista.

Publicidade

Por isso hoje irei apresentar os filmes com mensagens ocultas que certamente não conhecias.

9 filmes conhecidos que falam de algo a mais do que aquilo que aparentam

1. A Origem: Processo de criação dos filmes

A mensagem oculta do filme “A Origem” é mostrar ao público o processo de produção de qualquer filme. Assim, o papel de cada personagem corresponde às responsabilidades dos membros da equipa de produção do filme. Por exemplo, Ariadni (Alan Page) escreve o roteiro do filme, Saito (Ken Watanabe) é o dono do estúdio que financiou todo o projeto, Yousef (Dileep Rao) é o responsável pelos efeitos especiais, o produtor Arthur (Joseph Gordon-Levitt), Joseph Gordon-Levitt é o produtor responsável pela realização de todas as ideias e Cobb (Leonardo DiCaprio) é o diretor, o único que pode ver o efeito final. A tarefa de toda a equipa é incutir uma ideia na mente de todos. Isso não é uma característica do filme?

2. Matrix: Teoria da conspiração

“Matrix” é a saga de filmes que dá mais para as pessoas poderem fazer todo o tipo de suposições. Porquê? Porque o filme está cheio de diferentes símbolos e enigmas, começando com o coelho em “Alice no País das Maravilhas” até à sugestão de uma conspiração da Maçonaria. Como cada teoria da trilogia precisa de ser analisada detalhadamente, mencionamos apenas o fato mais estranho do filme: o passaporte de Neo, mais precisamente a data de lançamento: 11 de setembro de 2001. Vale ressaltar que o problema com a cena foi divulgado em março de 1999. Isso é apenas uma coincidência?

3. Homem Aranha: Puberdade

Quando fomos adolescentes, todos nós tivemos momentos reais como os do Peter Parker, mas certamente não de maneiras exageradas ou dramáticas. Contudo, este filme mostra a dramática “transformação” na puberdade numa imagem simbólica da adolescência. A personagem percebe as mudanças físicas que ocorreram nele, o que o acaba por deixar apavorado, preocupando os seus familiares com a sua instabilidade emocional. Ele descobriu a sua nova qualidade de uma forma incomum e iniciou uma nova fase da sua vida.

4. X-Men: Luta pelos direitos civis

O primeiro roteiro de “X-Men” foi escrito na década de 60, e a história da época parecia retratar a luta pelos direitos civis em determinados setores da sociedade. Nos anos 2000, esse tema tornou-se muito popular, principalmente a luta pelos direitos dos homossexuais. Depois de conhecer esta versão, tu entenderás os slogans contra mutantes no filme de outra forma, como “Devemos proteger os nossos filhos!”, “Em breve, os mutantes exigirão direitos iguais” ou questões como: “Quando é que tu te assumirás?”.

5. Feitiço do Tempo: Alcançar a iluminação

Vamos relembrar esta história: a protagonista do filme viverá sempre aquele dia até que ela entenda o motivo, o que produz um efeito de looping ao longo do tempo. É um pouco como a filosofia do budismo: vive cada dia como se fosse uma nova vida. A personagem fica cada vez mais perto da luz, até que a consegue alcançar.

6. O Senhor dos Anéis: Regime totalitário

“O Senhor dos Anéis” é outra saga que pode tem diferentes interpretações. Algumas pessoas associaram este filme à Primeira Guerra Mundial, enquanto outras relacionaram-no com a história entre as civilizações oriental e ocidental. Há quem ainda o tenha relacionado com antigos os mitos sobre o mal e o bem. Contudo, um dos detalhes mais curiosos é o Olho de Sauron, que é um símbolo do mal e fica no topo da torre do castelo. Muitas pessoas comparam o Olho da Pirâmide com O Grande Irmão do famoso livro “1984”. Em qualquer caso, o polémico “olho” significa o topo da máquina do poder que tenta estabelecer regimes totalitários em escala global, ordem baseada na violência e no medo.

7. Toy Story 3: Holocausto

Muitas pessoas associam a terceira parte do “Toy Story” ao Holocausto, isto porque os brinquedos de que o dono já não precisa são mandados para o sótão. Porém, eles acabam por ir para o jardim de infância. Para os brinquedos, este é um verdadeiro campo de concentração devido ao regime totalitário imposto por “Hitler” que, neste caso, é um urso de peluche. As personagens do filme são como os judeus que conseguiram sair do lugar a tempo. Algumas pessoas também apoiam essa teoria citando Anne Frank, cuja família se tentou esconder no sótão, o lugar para o qual, no filme, os brinquedos eram enviados. O filme parece mais sério agora, não é?

8. O Mágico de Oz: Populismo

Este famoso filme não é tão simples como pode parecer à primeira vista. A estrada de tijolos amarelos refere-se ao padrão ouro, as personagens são agricultores pobres, o mágico é a autoridade que promete tudo mas é impotente para cumprir a promessa, e a Cidade das Esmeraldas e os seus residentes batoteiros representam o valor enganoso do dinheiro. Embora pareça uma invenção, este filme tem muitas referências interessantes.

9. Game Of Thrones: Guerra das rosas

O autor da saga “Crónicas de Gelo e Fogo” diz que se inspirou no conflito entre York e Lancaster no século 15, que é conhecido na história do Reino Unido como a “Guerra das Rosas”. Nesta guerra, o trono britânico mudou seis vezes e os governantes estão dispostos a dar tudo para conseguir um casamento que lhes permite possuir as terras.  Assim podemos comparar algumas características históricas da época com as características históricas da série. Além disso, pode-se comparar o mapa de Westeros com o da Grã-Bretanha, que também é dividido em sete partes.

Com este artigo sobre os filmes com mensagens ocultas podemos concluir que por trás de uma grande história existe muito mais que um simples roteiro e que, por vezes, quando descobrimos isso, muda completamente a nossa maneira de ver e interpretar o filme.