More
    Início Site

    Estreias HBO Max Portugal em Fevereiro de 2023, fica a saber tudo o que vai estrear

    0

    Chegou o mês mais pequeno do ano e a HBO Max Portugal traz-nos os mais diversos conteúdos. Ao longo destes 28 dias, a plataforma de streaming vai distribuir entretenimento para todos os gostos – Documentários, Cinema Português ou Animação, tu escolhes!

    Fica a par das Estreias HBO Max Portugal, no mês de fevereiro de 2023

    Séries Originais

    Pobre Diablo (Temporada 1) – 17 de Fevereiro de 2023

    Pobre Diablo é uma séria espanhola escrita e criada por Miguel Esteban, Joaquín Reyes e Ernesto Sevilla. A primeira temporada apresenta-nos Stan, o jovem Anticristo que é enviado pelo seu pai para a Terra para aprender a arte da destruição. Os criadores dão também voz às personagens, sendo Miguel Esteban o realizador desta série de animação para adultos.

    The House That Dragons Built (Temporada 1) – 13 de Fevereiro de 2023

    Esta série documental da HBO Max mostra-nos os bastidores de House of the Dragon, onde iremos acompanhar o elenco e equipa técnica durante as gravações de todos os episódios da primeira temporada.

    Ver também: HBO Max promove Mundos Paralelos no Terceiro dia da Comic Con Portugal

    Filmes Originais

    Marc Maron: From Bleak to Dark – 12 de Fevereiro de 2023

    Filmado com plateia, From Bleak to Dark é o novo especial de comédia protagonizado por Marc Maron. Maron estreou-se na comédia há mais de 30 anos, tendo passado pelos mais ilustres talkshows, como Late Show with David Letterman ou Late Night with Conan O’Brien. Vários outros projetos tiveram o seu nome – podcasts, programas de rádio, programas de televisão – mas é a primeira vez que o comediante tem um solo produzido pela HBO.

    Ver também: Os 10 Filmes Mais Esperados em 2023

    Novas Adições ao Catálogo HBO Max Portugal

    Documentários

    Prime Suspect: the Madeleine Mccann Case – 3 de Fevereiro de 2023

    Filmes

    1618 – 3 de Fevereiro de 2023

    All That Breathes – 8 de Fevereiro de 2023

    Ver também: “The White Lotus”: Sabe tudo sobre a série do momento da HBO Max

    Estreias Netflix Portugal em Fevereiro 2023, fica a saber tudo o que vai estrear

    Séries

    Strike: Trouble Blood (Temporada 5) – 7 de Fevereiro de 2023

    Tell Me Everything (Temporada 1) – 9 de Fevereiro de 2023

    (Episodio Especial) Harley Quinn: A Very Problematic Valentine’s Day – 9 de Fevereiro de 2023

    Ver também: 5 curiosidades sobre a série da HBO Max “The White Lotus”

    Ansioso/a por estas estreias? Visita as nossas redes sociais diz-nos quais as séries ou filmes que não vais perder este mês.

    9 filmes de roubo a bancos que não podes perder

    0

    Eu amo filmes de roubo a bancos! Eles são cheios de ação, emoção e geralmente têm uma história envolvente. Se tu também és fã deste gênero, vê a lista dos melhores filmes de roubo a bancos que tu tens mesmo que assistir:

    Filmes de Roubo a bancos que não podes deixar passar

    “The Town” (2010)

    Realizado por Ben Affleck, conta a história de um grupo de amigos que planeiam um audacioso assalto a um banco em Boston, nos Estados Unidos da América.

    “Heat” (1995)

    Realizado por Michael Mann, é considerado um dos melhores filmes de todos os tempos de assalto a banco, com um elenco de luxo como Al Pacino e Robert De Niro.

    “Inside Man” (2006)

    O filme é realizado por Spike Lee e conta-nos uma história inteligente e envolvente sobre um grupo de ladrões que planeiam um assalto a um banco em Nova Iorque.

    “The Bank Job” (2008)

    Realizado por Roger Donaldson, este filme é baseado numa história real sobre um grupo de criminosos que planeiam assaltar um banco famoso na cidade de Londres no Reino Unido.

    “The Italian Job” (1969) 

    Um filme que conta com Peter Collinson na realização, é uma clássica história de roubo a um banco, com um elenco como Michael Caine e Noël Coward.

    Ocean’s Eleven” (2001)

    Realizado por Steven Soderbergh, é uma história divertida e envolvente sobre um grupo de ladrões que planejam roubar três dos maiores cassinos de Las Vegas ao mesmo tempo. Com um elenco estrelado por George Clooney, Brad Pitt e Matt Damon, este é um filme imperdível para os fãs de roubo a banco.

    “The Killing” (1956)

    Uma obra de Stanley Kubrick, conta-nos uma história intensa sobre um grupo de ladrões que planeiam roubar um hipódromo durante uma corrida de cavalos. Com um leque incrível no elenco começando por Sterling Hayden e Coleen Gray, este é um filme clássico que é obrigatório ver.

    “The Asphalt Jungle” (1950)

    Realizado por John Huston, é uma história intensa sobre um grupo de ladrões que planejam roubar uma joalheria em uma cidade grande. Conta com Sterling Hayden e Sam Jaffe no elenco, este filme é mais um clássico de filmes de roubo a bancos, muito emocionante.

    “The Great Train Robbery” (1903)

    A realização é a cargo de Edwin S. Porter, “The Great Train Robbery” é considerado o primeiro filme de roubo a banco da história do cinema. A curta-metragem conta-nos a história de um grupo de bandidos que planeiam rouber um comboio de transporte de valores. Ainda que simples, este filme criou o conceito de filme de roubo a banco no cinema e é uma verdadeira obra-prima do cinema.

    Os filmes de roubos a bancos são sem dúvida filmes que nos prendem ao ecrã, por causa da emoção e ação que os filmes nos transmitem. Histórias intrigantes, personagens cativantes oferecem-nos uma experiência emotiva de ação e suspense.

    Estreias Netflix Portugal em Fevereiro 2023, fica a saber tudo o que vai estrear

    0
    You - Temporada 4 Parte 1 - Netflix

    O carnaval está quase aí mas a Netflix Portugal dá-te uma vasta lista de motivos para ficares em casa!

    Não percas as Estreias Netflix Portugal, no mês de fevereiro de 2023

    Alguns dos regressos mais esperados da Netflix vão acontecer este mês. Já falta pouco para descobrirmos o que acontece a Joe Goldberg, na 4ª Temporada de YOU, ou para imaginarmos que estamos nos cenários paradisíacos de Outer Banks, na sua 3ª Temporada.

    Conhece todas as Estreias Netflix Portugal

    Séries Originais

    On My Block: Freeridge (Temporada 1) – 2 de Fevereiro de 2023

    Class (Temporada 1) – 3 de Fevereiro de 2023

    Bolsa de Valores (Temporada 1) – 8 de Fevereiro de 2023

    YOU (Temporada 4 – Parte 1) – 9 de Fevereiro de 2023

    Love is Blind (Temporada 3) – 10 de Fevereiro de 2023

    Love to Hate You (Temporada 1) – 10 de Fevereiro de 2023

    Curso Intensivo de Amor (Temporada 1) – 11 de Fevereiro de 2023

    Sempre que nos Apaixonamos (Temporada 1) – 14 de Fevereiro de 2023

    Sem Filtro (Temporada 1) – 15 de Fevereiro de 2023

    A Lei de Lidia Poët (Temporada 1) – 15 de Fevereiro de 2023

    Eva Para Sempre (Temporada 1) – 15 de Fevereiro de 2023

    Red Rose (Temporada 1) – 15 de Fevereiro de 2023

    The Upshaws (Parte 3) – 16 de Fevereiro de 2023

    Força Mais ou Menos Especial (Temporada 1) – 17 de Fevereiro de 2023

    O Gang: Assalto Arriscado (Temporada 1) – 17 de Fevereiro de 2023

    Uma Rapariga e um Cosmonauta (Temporada 1) – 17 de Fevereiro de 2023

    Marcha Pela Verdade: Alex Schwazer (Temporada 1) – 22 de Fevereiro de 2023

    Três Vidas (Temporada 1) – 22 de Fevereiro de 2023

    Outer Banks (Temporada 3) – 23 de Fevereiro de 2023

    De Quem Fugimos? (Temporada 1) – 24 de Fevereiro de 2023

    Formula 1: A Emoção de um grande Prémio (Temporada 5) – 24 de Fevereiro de 2023

    Too Hot To Handle: Alemanha (Temporada 1) – 28 de Fevereiro de 2023

    Ver também: Netflix Portugal sabe tudo sobre a plataforma de streaming

    Filmes Originais

    Espirito Livre – 3 de Fevereiro de 2023

    O Lobo Viking – 3 de Fevereiro de 2023

    Infiesto – 3 de Fevereiro de 2023

    Stromboli – 3 de Fevereiro de 2023

    Dear David – 9 de Fevereiro de 2023

    Desbloqueado – 9 de Fevereiro de 2023

    10 Dias de um Homem Bom – 10 de Fevereiro de 2023

    Na tua casa ou na minha? – 10 de Fevereiro de 2023

    Amor ao Quadrado Outra Vez – 13 de Fevereiro de 2023

    Re/Member – 14 de Fevereiro de 2023

    A Sunday Affair – 14 de Fevereiro de 2023

    Para Todos os Lugares – 14 de Fevereiro de 2023

    Dois Estranhos – 22 de Fevereiro de 2023

    Call me Chihiro – 23 de Fevereiro de 2023

    Temos um Fantasma – 24 de Fevereiro de 2023

    Ver também: On My Block | Uma série de comédia Netflix que merece mais buzz

    Documentários

    A Riquesa de Gunther – 1 de Fevereiro de 2023

    Bill Russel: Uma Lenda da NBA – 9 de Fevereiro de 2023

    Rainhas Africanas: Njinga (Temporada 1) – 15 de Fevereiro de 2023

    Full Swing – 15 de Fevereiro de 2023

    As Mortes dos Murdaugh: Crimes Numa Família Sulista – 22 de Fevereiro de 2023

    Ver também: Estreias Netflix Portugal em janeiro 2023, fica a saber tudo

    Novas Adições ao Catálogo Netflix Portugal

    Birds of Prey – 1 de Fevereiro de 2023

    Joker – 1 de Fevereiro de 2023

    Girls5Eva (Temporada 1 e 2)– 1 de Fevereiro de 2023

    The Flash (Temporada 9) – 9 de Fevereiro de 2023

    Mãos Dotadas – 1 de Fevereiro de 2023

    IT: Capítulo 2 – 15 de Fevereiro de 2023

    Fica saber mais sobre a Netflix Portugal

    Segue-nos @cinema_planet no Instagram ou no @cinemaplanetpt Twitter e diz-nos que novidades gostavas de ver este mês!

     

     

    John Wick 4: Saiba tudo sobre o novo filme, estreia, elenco, atores e muito mais

    0
    Poster John Wick 4

    John Wick 4: Baba Yaga é sem dúvida um dos filmes mais aguardados em 2023.

    Fica a saber tudo o que já sabemos sobre John Wick 4

    A próxima emocionante jornada do personagem interpretado por Keanu Reeves (John Wick) será exibido nos cinemas em março. Para te manter atualizado, reunimos todas as informações essenciais sobre o filme.

    Qual é a sinopse de John Wick 4?

    Poster John Wick 4

    John Wick 4: Baba Yaga vai mostrar John Wick (Keanu Reeves), em mais uma emocionante aventura. Vamos poder ver o protagonista em busca de uma saida da sua vida como um assassino. Com um preço cada vez maior pela sua cabeça, John Wick vai enfrentar uma batalha épica contra a Alta Cúpula, enquanto vai perseguir jogadores mais influentes do submundo nas cidades de Nova Iorque, Paris, Osaka e Berlim.

     

    Qual é o elenco de John Wick 4?

    O quarto filme de John Wick vai ter uma mistura de velhos “conhecidos” com novos rostos na equipa, estes são os atores/atrizes que farão parte do elenco:

    • Keanu Reeves como o Baba Yaga
    • Ian McShane como Winston
    • Laurence Fishburne como Rei do Bowery
    • Lance Reddick como Charon
    • Bill Skargard 
    • Donnie Yen
    • Hiroyuki Sanada
    • Clancy Brown
    • Rina Sawayama

    Quem é o realizador e argumentista de John Wick 4?

    John Wick 4 em uma cena do filme
    Keanu Reeves as John Wick and Donnie Yen as Caine in John Wick 4. Photo Credit: Murray Close

    A realização deste novo filme é feita por Chad Stahelski, um realizador experiente que já tinha comandado os restantes três filmes da franquia. O argumento está a cargo de Michael Finch, que regressa depois de John Wick 3 em conjunto com Shay Hatten.

    Qual é o trailer de John Wick 4: Baba Yaga?

    Já foram divulgados os trailers de John Wick 4. Estes apresentam os novos personagens e destacam a intensa ação com John Wick enfrentando uma troca enorme de tiros, muitas lutas e explosões, vê os vídeos abaixo:

    Quando estreia John Wick 4?

    John Wick 4: Baba Yaga já tem data de estreia marcada em Portugal. O filme vai estrear a 23 de março de 2023 em todos os cinemas em Portugal.

    Arraste-me para o Inferno, sabe tudo sobre o filme de Sam Raimi

    Arraste-me para o Inferno (ou Drag me to Hell no original) é um filme de terror de Sam Raimi de 2009. O realizador americano escreveu a história desta longa metragem com o irmão Ivan Raimi dez anos antes de o realizar: a trilogia Spider-Man ocupou-lhe todo o tempo e só após fazer estes blockbusters conseguiu se dedicar a este filme. Raimi queria algo mais de baixo orçamento e completamente diferente em tom dos filmes de super-heróis que havia feito; Arraste-me para o Inferno é exatamente isso, e de que maneira!

    Descobre Arraste-me para o Inferno, de Sam Raimi

    Fica a conhecer um dos filmes mais underrated de Sam Raimi, feito no rescaldo dos filmes do Homem-Aranha, Arraste-me para o Inferno!

    Arraste-me para o Inferno é um retorno às raízes

    Com Arraste-me para o Inferno, Sam Raimi volta às suas raízes como realizador, de certa forma. É um filme sangrento e horripilante, e hilariante ao mesmo tempo, com atmosfera de filme B.

    Arraste-me para o Inferno

    Qual o sinopse e elenco de Arraste-me para o Inferno?

    Christine Brown (interpretada por Alison Lohman) é uma jovem funcionária de um banco que lida com créditos à habitação. Um dia, para impressionar o chefe e este lhe dar uma promoção que há tanto tempo deseja, Christine efetiva o despejo de uma senhora que não consegue pagar a casa; o que ela não sabia é que essa senhora era uma espécie de bruxa, que a amaldiçoa pelo que lhe fez. Christine passa, então, a ser perseguida por um espírito maligno, que irá atormentá-la… até ao Inferno. Ninguém, nem o namorado (interpretado por Justin Long) acreditam nela, por isso ela vai recorrer a médiuns para tentar escapar à praga que lhe foi rogada e salvar a sua alma.

    Arraste-me para o Inferno

    No fundo, é um conto sobre moralidade. É uma história relativamente simples mas que nos faz questionar a nossa própria moralidade e nos pormos no lugar de Christine: o que é que faríamos se estivéssemos na sua situação? E, simultaneamente, divertimo-nos com quão insanas são as sequências de terror e os limites de “decência” que eventualmente este filme passa. Os filmes Evil Dead estabeleceram Raimi como um realizador que brinca com todo o tipo de movimentos de câmara ousados e uso de efeitos práticos para alcançar uma experiência cinemática enérgica e única. E também, claro, aliar o cómico ao horrendo.

    Tal como os filmes Evil Dead, Arraste-me para o Inferno tem sempre uma camada campy que nos permite rir da terríveis coisas que acontecem ao longo da história: temos uma bruxa que vomita incessantemente, uma cabra demoníaca falante e muito mais. Isto não podia ser feito por mais ninguém sem ser Sam Raimi.

    Um filme imperfeito, mas underrated

    Arraste-me para o Inferno é um filme com várias surpresas e momentos chocantes que te vão deixar de boca aberta. Mas também tem os seus momentos mais fracos. O guião por vezes demonstra que precisaria mais alguns drafts para tornar o diálogo mais cativante. O ritmo também é um pouco desajeitado; algumas sequências de gross-out humor/horror duram talvez demais. Apesar de serem divertidas, sente-se que não avançam muito a história, sendo nojentas só para serem nojentas.

    Para além disso, apesar de ter bons usos de efeitos práticos, tem também vários momentos de CGI menos bem conseguidos. No terror, os efeitos práticos costumam ser mais eficazes e aqui não é exceção; não tendo o CGI uma qualidade tremenda, algumas sequências que o usam em demasia perdem algum do seu poder.

    Alison Lohman em Arraste-me para o Inferno

    Mesmo assim, quando o filme é bom, é realmente bom. Conseguimos nos identificar com Christine. Ela é um boa pessoa que apenas fez um ato mais egoísta; mas percebemos também porque é que ela agiu daquela forma, dado que é pressionada pelo chefe, e por todas as pessoas na sua vida, na verdade. Se por um lado temos pena dela, por acharmos que não merece todos os infortúnios que lhe acontecem como consequência sobrenatural do que fez, por outro, vemos que o caminho trágico que iniciou devido à sua decisão menos bondosa não poderá acabar de outra forma; que Christine tem de ser punida de alguma forma. O terceiro ato de Arraste-me para o Inferno vai surpreender qualquer um, e dá um final bombástico que não estás à espera a toda a história.

    Considerações finais

    Sam Raimi fez um dos melhores filmes de super-heróis com Spider-Man 2, e após concluir essa trilogia, precisava de voltar ao que (também) faz melhor: filmes campy de terror e comédia negra. Arraste-me para o Inferno é um pequeno filme menos mencionado da carreira do realizador americano que merece igual destaque: não se leva demasiado a sério, mas tem nas suas bases temas cativantes que deixam o espetador a questionar as suas próprias decisões e moralidade. Acima disso tudo, é divertidíssimo de ver, com igual número de sustos e gargalhadas. Não sabemos se Raimi vai continuar nos blockbusters após ter feito no ano passado a sequela de Doctor Strange, mas se ele quiser apanhar algum ar entre estas maiores produções, sabemos que os seus filmes mais “simples” podem ser, da mesma forma, fantásticos e talvez ainda mais criativos.

    7 filmes musicais imperdíveis

    0
    filmes musicais

    Números musicais elaborados, personagens carismáticos, canções icónicas, coreografias complexas… tudo isto são elementos que só podes encontrar em filmes musicais. Um género que remonta desde as origens do som no Cinema, é justo dizer que não é para toda a gente. Mas para quem se permite adentrar num mundo de fantasia onde a música é a maior forma de expressão, é inevitável sermos arrebatados pela música, pela dança e pela magia que estes filmes oferecem.

    Os melhores filmes musicais que tens de ver

    Aqui irás encontrar alguns filmes musicais que ao longo dos anos definiram o género e são imperdíveis para qualquer fã de Cinema!

    The Wizard of Oz (1939)

    wizard of oz

    Um marco no Cinema, este filme foi o primeiro filme musical de sempre a cores. Conta a história de Dorothy, uma jovem rapariga que se vê perdida num mundo mágico e precisa de voltar a casa. Para isso, precisa de encontrar o misterioso Feiticeiro de Oz. Pelo caminho faz amizades com um leão, um espantalho e um homem de lata. Um clássico deslumbrante perfeito para ver com a família.

    Singin’ in the Rain (1952)

    singin in the rain

    Outro clássico absoluto do Cinema, Singin’ in the Rain é, no fundo, uma comédia acerca da transição do cinema mudo para o sonoro, os chamados “talkies”. É uma espécie de sátira de Hollywood, leve e bem-humorada, que concentra os seus esforços em criar as sequências musicais mais opulentas e suntuosas alguma vez postas em película. A paixão que eles põem na criação de cada número é contagiante, e todo o elenco, especialmente Gene Kelly e Debbie Reynolds, têm performances icónicas; há uma palpável sensação de alegria por todo o filme, e a música, começando pela canção que dá nome ao filme, vai ficar na tua cabeça depois de veres o filme.

    West Side Story (1961 e 2021)

    west side story

    Enquanto que os filmes musicais anteriores deram origem a produções da Broadway, este West Side Story é uma adaptação de um musical, sendo de resto uma história inspirada em Romeu e Julieta de Shakespeare. West Side Story de 1961, realizado por Robert Wise, é um musical entusiasmante e derradeiramente trágico, seguindo uma história de amor entre duas pessoas de gangues rivais.

    O remake de Steven Spielberg pode não capturar toda a magia do original, mas adiciona uma camada de realismo que a destaca do filme de Wise, e números musicais glamorosos e bem-conseguidos. Assim, ambos os filmes proporcionam uma tarde bem passada e emocionante.

    Grease (1978)

    Grease

    Grease é outra adaptação de um musical da Broadway. A história passa-se nos anos 50, e diz respeito a um romance entre os personagens interpretados por John Travolta e Olivia Newton John, que se conhecem num verão. As canções têm como compositores Barry Gibb, dos Bee Gees, entre outros, além de versões de músicas dos anos 50. Números musicais como “You’re the one that i want” ou “Summer Nights” são inesquecíveis.

    Sing Street (2016)

    sing street

    Sing Street diferencia-se dos filmes musicais anteriores devido a ser de forma geral o que se chama de jukebox musical. Ou seja, ao contrário dos filmes previamente mencionados, a banda sonora é maioritariamente composta não por música original, mas sim por versões de canções de bandas como The Cure, The Jam ou Duran Duran. A história é um coming-of-age sobre um rapaz que decide começar uma banda para impressionar uma rapariga. Um musical que encanta pela sua simplicidade.

    La La Land (2016)

    la la land

    O filme que quase ganhou o Oscar de Melhor Filme num dos momentos mais insólitos dos últimos anos, é também o filme que trouxe o género do filme musical clássico de volta à ribalta. La La Land, a obra de Damien Chazelle, tem tudo o que os grandes clássicos ofereciam – coreografias com sapateado à mistura, canções empolgantes, um romance emocionante – envolto num pacote fresco e moderno. A história de amor entre Sebastian, interpretado por Ryan Gosling, e Mia, interpretada por Emma Stone numa performance que lhe conferiu o Oscar de Melhor Atriz, lida com os compromissos entre a arte e a vida pessoal, e demonstra a forma como os filmes musicais nos conseguem transportar para a magia do Cinema de uma forma que nenhum outro género consegue.

    Gritos 6 tem um novo trailer, fica a conhecer mais sobre o filme

    0

    A hora do Terror chegou, com o novo trailer de Gritos 6. Sangrento e sinistro como nós gostamos, o novo trailer chegou esta quinta-feira. O trailer mostra-nos Jenna Ortega, Courteney Cox, Hayden Panettiere de volta contra o Ghostface.

    Gritos 6 ganhou um novo trailer sangrento e sinistro

    Gritos 6 traz os sobreviventes do último filme tentando recomeçar a vida longe de Woodsboro. Mas claro que nenhuma boa ação vem sem uma punição, porque onde quer que o grupo vá, o assassino da máscara sinistra procurará sangue!

    Qual o trailer de Gritos 6?

    No trailer, vemos Ghostface à solta pelas ruas de Nova Iorque, passando a faca e atacando tudo o que lhe aparece à frente. A veterana Gale (Cox) também aparece enfrentando o assassino, agora com muita sede de vingança.

    Qual o elenco de Gritos 6?

    O novo filme, Gritos 6, conta com a presença de:

    • Jenna Ortega
    • Melissa Barrera
    • Dermot Mulroney
    • Samara Weaving
    • Tony Revolori
    • Courteney Cox
    • Hayden Panettiere

    Em que dia estreia Gritos 6 em Portugal?

    O novo filme de “Ghostface” tem estreia marcada para os cinemas portugueses, já dia 9 de março de 2023.

    Os 10 Filmes Mais Esperados em 2023

    0

    Chega assim ao fim mais um ano maravilhoso do cinema, que começou com a estreia de Scream e acabou com o tão esperado Avatar: The Way of Water. A questão que fica no ar é: e para 2023, será um ano melhor?

    Os Filmes Mais Esperados em 2023, fica a conhecer e prepara a carteira

    Começa a preparar a carteira porque vêm aí filmes que não vais querer perder:

    Ant-Man and the Wasp: Quantumania

    Claro que não podia faltar um filme da Marvel nesta lista. Scott Lang, Hope Van Dyne, Hank Pym e Janet Van Dyne estão de volta para nos levar numa aventura no Reino Quântico, onde interagem com novas criaturas e quebram limites que nunca pensaram ser possível. Este vai ter presente o novo vilão da Marvel, o tão esperado Kang The Conqueror.

    Fast X

    Sim este ano vamos ter mais um Fast & Furious para adicionar à lista. Apesar de ainda não existir nenhum “plot” do que vai acontecer no filme, podemos esperar muita ação desta família amante de carros velozes. Mas vamos ter novas aquisições ao elenco, Jason Momoa e Brie Larson estarão nesta nova aventura.

    Aquaman and the Lost Kingdom

    Por falar em Jason Momoa, estreia também este ano o segundo filme de Aquaman. Pouco se sabe acerca deste filme, e apesar de ser difícil superar o primeiro, acredito que me surpreenda bastante a mim e a todos os outros espectadores.

    Ver também: Avatar: O Caminho da Água, sabe tudo sobre o novo filme de James Cameron

    The Super Mario Bros. Movie

    Sim vocês estão a ver bem, o nosso querido Super Mario mais conhecido pela variedade de jogos vai ganhar vida no grande ecrã e tenho a certeza que nos vai fazer apaixonar novamente. Este vai contar a historia cheia de aventuras do Mario pelo Mushroom Kingdom .

    Indiana Jones and the Dial of Destiny

    Um clássico que volta em 2023 é Indiana Jones, o nosso querido arqueólogo e explorador. Este será o quinto filme da serie de filmes Indiana Jones, dando continuação a Indiana Jones and the Kingdom of the Crystal Skull (2008).

    The Little Mermaid

    A Disney apresenta-nos este ano um novo live action de uma historia que já conhecemos bem. Uma jovem sereia faz um acordo com uma bruxa do mar, para trocar a sua bela voz por pernas humanas e assim ela consegue descobrir o mundo acima da água e encontrar um príncipe. Este filme já foi conversa e discussão devido á escolha da atriz que vai representar a protagonista. Apesar disso, o teaser já nos aqueceu os corações com a bela voz da Halle Bailey.

    Wonka

    Mais uma lembrança da nossa infância, o famoso Willy Wonka, interpretado pelo Timothee Chalamet, volta aos grandes ecrãs e desta vez vai contar a sua historia enquanto jovem e como conheceu os Oompa-Loompas numa das suas primeiras aventuras.

    The Nun 2

    Não podia faltar na lista um pouco de terror. Este ano teremos a sequela do filme The Nun e será a nona aquisição à franquia The Conjuring Universe. Como o filme está previsto para sair em setembro, ainda pouco se sabe sobre a sua historia, mas esperemos que seja tanto ou mais aterradora que a primeira.

    Killers of the Flower Moon

    Este conta a historia de membros da tribo Osage nos Estados Unidos que são assassinados em circunstâncias misteriosas na década de 1920, provocando uma grande investigação do FBI. Este filme vai contar com a presença de um elenco brilhante, tais como, Leonardo DiCaprio, Robert De Niro, Lily Gladstone e Brendon Fraser.

    Barbie

    Por fim temos o live action da famosa boneca, a Barbie. Conta assim a historia da vida na Barbie Land que se designa como um lugar perfeito a menos que tenhas um crise existencial ou és um Ken. Na criação deste filme temos nomes como Greta Gerwig e Noah Baumbach que estiveram por trás de filmes como Lady Bird, Little Women e Marriage Story.

    Qual destes filmes estás mais ansioso que chegue aos cinemas? Eu quero ver todos, mas realmente estou bastante curioso para saber como vai desenrolar a historia de Barbie.

    Avatar: O Caminho da Água, sabe tudo sobre o novo filme de James Cameron

    Avatar: O Caminho da Água, leva-nos para um mundo distante, com uma beleza inacreditável, com seres vivos maravilhosos e com as mais incríveis cores, envolvendo-nos ao ponto quereremos conhecer ao vivo esta realidade fantástica.

    Avatar: O Caminho da Água, a mestria de James Cameron continua a surpreender

    Mantendo os fiéis seguidores (e não só) entusiasmados com a sequela que nos apresentou no passado dia 15 de Dezembro, ao fim de 13 anos do seu primeiro filme. Em 2009, o Avatar ter-se-ia tornado um fenómeno mundial, pela sua novidade nos efeitos especiais, nomeadamente o 3D que permitiu ao mundo parar para ver o Avatar no cinema. Ao fim de mais de uma década, muita coisa mudou, no entanto as plataformas de streaming não são ainda capazes de criar o ambiente necessário para a experiência que Avatar: O Caminho da Água nos proporciona no cinema e como tal tem vindo a mover massas para assistir ao filme no grande ecrã.

    O convencional 2D não desilude na exibição

    Ainda que este seja um filme idealmente para ser visionado em 3D ou 4D, o convencional 2D não desilude, pois vive também da experiência auditiva ao nível dos sons ambiente ou mesmo da banda sonora que envolve as cenas de forma brilhante. Quanto à imagem, a qualidade dos efeitos especiais, das cores vibrantes, dos seres imaginários mas que se tornam tão reais, faz-nos compreender a necessidade do tempo de espera entre filmes a que fomos sujeitos.

    As opiniões têm-se divergido especialmente ao nível do enredo e à duração do filme, quanto ao enredo poderia apontar como uma fragilidade e compreende-se o desagrado de algumas pessoas, no entanto o retorno do Coronel Miles Quaritch parece perfeitamente justificado e não apresenta erros de timeline flagrantes. Poderíamos perfeitamente focar-nos apenas na vingança desnecessária do Quaritch, contudo torna-se mais relevante dirigir o foco para o desenvolvimento da comunidade Omaticaya e do crescimento da família do Jake Sully e Neytiri bem como a consequente necessidade de se adaptar aos costumes da nova tribo que os abriga no momento da fuga.

    avatar caminho da agua

    O filme de um modo sucinto retoma o final do filme anterior e rapidamente faz um update dos acontecimentos mais importantes até ao momento da ação principal, ação esta que essencialmente se foca na vingança do Coronel pelo Jake e pela sua família. Isto leva-os a abandonar a tribo e a reinstalar-se numa nova tribo com características diferentes pela sua adaptação ao meio, neste caso aquático.

    Ver também: 5 prendas perfeitas para ofereceres a um Cinéfilo em 2023

    Os processos de integração na comunidade, da adolescência, a degradação da natureza e a ligação intrínseca destes seres com o meio, a necessidade urgente de preservar o planeta e o respeito pelo mesmo e a ganância humana, são temáticas que surgem frequentemente ao longo do filme que vive de uma intensidade constante, pondo o observador a viver cada minuto das 3 ‘curtas’ horas que passam sem dar conta.

    Qual o elenco de Avatar 2?

    Outro dos pontos a assinalar, é de facto a qualidade do acting do conjunto maravilhoso de atores que se juntam neste filme, nos papéis principais:

    • Sam Worthington (Jake Sully)
    • Zoe Saldana (Neytiri)
    • Sigourney Weaver (Kiri)
    • Stephen Lang (Coronel Quaritch)
    • Kate Winslet (Ronal)

    Para enunciar os principais mas o grande destaque vai para a Zoe Saldana e Sigourney Weaver, que têm uma participação irrepreensível.

    Zoe mostra-nos o seu lado materno, de ternura e sentido de família, mas também um lado selvagem e instintivo do que é proteger a família. Por outro lado, Sigourney apresenta-se no corpo de uma jovem de 14 anos, Kiri, que é filha da Dr. Grace (personagem da atriz no primeiro filme), portanto na verdade a atriz interpreta o papel de uma adolescente com menos 60 anos do que a própria.

    Se notamos esta diferença? Nem um bocadinho, e é a isto que se chama uma boa atriz que tendo também já tido 14 anos consegue transpor a fisicalidade e as atitudes necessárias para que a personagem funcione.

    Quando estreia Avatar 3?

    Para já, está anunciado o terceiro filme para 2024 e que ao que tudo indica dar-nos-á a conhecer mais uma tribo Avatar, e as informações que têm circulado afirmam que o filme já foi gravado para evitar o fenómeno “Stranger Things”, segundo Cameron. Ainda se preveem pelo menos mais 2 filmes, o quarto para 2026 e o quinto para 2028.

    Ver também: Óscar 2023 vai para? O que já se sabe

    Qual o trailer oficial de Avatar: Caminho da Água?

    No final, a apreciação é bastante positiva, mantendo o interesse para os seguintes filmes pois fica em aberto o que poderá acontecer aos nossos amigos azuis e esperando que a qualidade desta saga se mantenha e continue a fazer história como tem feito até ao presente.

    Netflix Portugal sabe tudo sobre a plataforma de streaming

    0
    Netflix Live: tudo para resultar ou flop?

    A Netflix Portugal é uma plataforma de streaming de vídeo on-demand que tem vindo a ganhar mais popularidade em todo o mundo, e Portugal não é exceção. Desde a sua estreia no país em 2011, a plataforma tem sido cada vez mais bem-sucedida, oferecendo uma variedade crescente de conteúdo exclusivo e original, além de filmes e séries já consagrados.

    Netflix Portugal tudo sobre a plataforma de streaming

    Uma das principais razões para o sucesso do Netflix em Portugal é a sua oferta de conteúdo original. Séries como “La Casa de Papel”, “Onde Estás, Bernadette?” e “A Elite” são exemplos de grandes produções que ganharam popularidade entre os assinantes da plataforma. Essas séries não só atraem o público português, mas também têm atraído fãs de todo o mundo, contribuindo para o crescimento da indústria de televisão e cinema em Portugal.

    Aproveita e fica a conhecer as estreias Netflix para o mês de Janeiro de 2023.

    Além disso, a Netflix tem investido cada vez mais em conteúdo exclusivo e original, incluindo filmes e séries produzidos pela própria plataforma. Isso permite que a plataforma ofereça conteúdo único e diferenciado, atraindo assim novos assinantes e mantendo os atuais engajados.

    Outra razão para o sucesso do Netflix em Portugal é a sua facilidade de uso. A plataforma é fácil de navegar e oferece recomendações personalizadas para cada utilizador, tornando mais fácil encontrar novo conteúdo de acordo com os seus gostos. Além disso, a plataforma está disponível em vários dispositivos, incluindo televisões, computadores, tablets e smartphones, permitindo que os utilizadores assistam ao conteúdo onde e quando quiserem.

    Quanto custa Netflix por mês em Portugal?

    A Netflix oferece vários pacotes para que os utilizadores possam adaptar às suas possibilidades. Sendo os pacotes disponiveis o Pacote Base, Standard e Premium.

    Pacote Base – Tem um custo de 7,99€/mês inclui serviço com uma qualidade de vídeo mais reduzida (480p) e apenas permite um ecrã a visualizar o serviço. O HD e Ultra HD não estão disponíveis. De sublinhar que as transferências só podem ser guardadas num único dispositivo móvel.

    Pacote Standard – Este pacote já é mais completo, tem um custo de 11,99€/mês, pode ser visto em 2 dispositivos compatíveis de cada vez, com uma qualidade Full HD (1080p). Podem ser feitas transferências em 2 dispositivos móveis de cada vez.

    Pacote Premium – Este é o pacote mais completo, tem um custo de 15,99€/mês, permite até 4 dispositivos, transferências também em 4 dispositivos e já está disponível o Ultra HD (4K).

    Pacotes Netflix portugal

    Como pagar Netflix em Portugal?

    A Netflix em Portugal tem vários sistemas de pagamentos sendo um deles o Cartão de Crédito. A plataforma oferece várias opções de pagamento para os seus utilizadores em Portugal, incluindo:

    • Cartão de crédito
    • Cartão de débito
    • PayPal
    • Voucher
    • Cartão pré-pago da Netflix

    Em resumo, a Netflix é uma plataforma de streaming de vídeo on-demand que tem se tornado cada vez mais popular em Portugal. A sua oferta de conteúdo original e exclusivo, facilidade de uso e disponibilidade em vários dispositivos são algumas das principais razões para o seu sucesso. Com a crescente popularidade da plataforma, é provável que vejamos ainda mais produções (algumas delas portuguesas) e conteúdo original sendo lançado no futuro, contribuindo para a indústria de televisão e cinema em Portugal.