Está aberta uma bolsa de criação cinematográfica com o nome de Manoel de Oliveira.

A iniciativa da EDP, oferece a oportunidade a jovens que estejam a estudar cinema ou artes audiovisuais a oportunidade de, de acordo com um comunicado da EDP, “financiar custos de formação e especialização na área do cinema, produção, direcção e realização”.

Para concorrer, os interessados deverão apresentar um filme original (em formato de documentário ou ficção) com a duração máxima de 6 minutos. De acordo com o mesmo comunicado, a EDP salienta:

“Os critérios de avaliação respeitarão a liberdade criativa, estando no entanto prevista uma majoração para filmes ou documentários que prossigam o estilo neo-realista, designadamente que utilizem cenários reais e actores não profissionais, aproximando-se assim do universo estilístico de Manoel de Oliveira”.

A Bolsa EDP Manoel de Oliveira serve de homenagem ao cineasta português, assim como o cumprir de uma promessa que a empresa fez no ano anterior quando lançou a campanha “Um Século de Energia” através de um filme orientado pelo próprio Manoel.

O financiamento desta bolsa chega aos 50 mil euros. Os interessados deverão candidatar-se até dia 18 de julho. Haverá ainda a possibilidade de a bolsa poder vir a ter uma periodicidade anual.