A equipa do Cinema Pla’net reuniu-se para elencar os 15 psicopatas e sociopatas mais carismáticos do cinema. Foram eleitas apenas duas vilãs num mundo que parece pertencer aos personagens masculinos.

Olhares, sorrisos, expressões. Estes 15 psicopatas e sociopatas conseguem esconde-los durante grande parte do tempo, e revelá-los nos momentos mais tenebrosos. Muitos destes vilões não olham aos meios para atingir os fins. Ou melhor, olham e não se importam, nem um pouco. Outros querem apenas criar o caos, sem razão aparente, apenas por puro divertimento ou por uma questão que mexe com o seu psicológico.

Ver também: O Caso de Richard Jewell – Clint Eastwood com mais do mesmo

Nesta lista, o destaque vai para a existência de duas criações de Stanley Kubrick e outras tantas de Quentin Tarantino e ainda para 3 de David Fincher. Para além disto, há uma personagem que, apesar de ser interpretada por atores diferentes e as histórias de ambos serem também elas distintas, marca duplamente presença neste top. Sombrios, cruéis, estes 15 monstros mostram sobretudo como se constroem boas personagens e, no caso, bons vilões.

Kevin por Rock Duer, Jasper Newell e Ezra Miller

Filme: “Precisamos de Falar Sobre Kevin”

Realizadora: Lynne Ramsay