Este filme foi realizado por Scott Derrickson que já está mais do que habituado em trabalhar neste gênero de filmes, tendo também, trabalhado e dirigido’ O Exorcismo de Emily Rose ‘ e ‘ A Entidade ‘.

Para fãs de filmes como o ‘Exorcista’ este é, sem dúvida, um filme a não perder, é um filme que foge á regra. Quando estamos habituados a ver filmes com cenas de exorcismo onde forças paranormais preferencialmente atacam jovens, mulheres em locais isolados e/ou rurais, neste filme ‘ Livrai-nos do Mal ‘, somos surpreendidos com uma mudança radical, onde tudo se passa em grandes cidades, mais propriamente em bairros pobres americanos.

O filme começa por nos apresentar soldados norte-americanos a combater, em 2010, no Iraque, passando, de seguida, a apresentar uma equipa de investigação de Nova Iorque que encontra um bébé morto dentro de um caixote do lixo, uma mulher espancada pelo marido, e uma outra que atira o filho para os leões que se encontram num ZOO. A forma como nos é apresentado o problema e a maneira como se desenrola e resolve é, simplesmente, fantástico e habilidoso. Ralph Sarchie ( Eric Bana ) é um policia investigador agressivo, que juntamente com o seu parceiro, decidem começar a investigar casos estranhos, como uma mulher atirar o filho para os leões e casos de ex-marines que começam a ter comportamentos anormais.

O bom e o surpreendente deste filme é que não tenta explorar as conhecidas jovens possuidas, mas sim a decadência de figuras como policias, soldados e mães solteiras. Conseguimos identificar várias fases e mudanças no agente da policia que com a ajuda de Edgar Ramirez, um venezuelano padre, que no passado consumia drogas pesadas, o leva à aceitação religiosa total.

2d16912890d43bec3ba939a1262c9963a610c4

Este filme é baseado num livro chamado ‘Beware The Night’ que conta a história de Ralph Sarchie .

Conseguimos ver que em ‘Livrai-nos do mal’ existe uma relação entre o que vemos e ouvimos e isso foi fundamental para termos um  final fantâstico.

A escolha das músicas dos ‘ The Doors’ não foi por acaso, até porque a personagem ‘Edgar Ramirez’ é bastante parecida com o Jim Morrison ( vocalista da banda The Doors ). Derrickson sublinha que é em filmes de terror que se conseguem fazer as melhores experiências com som e imagem.

 

Opinião pessoal dirigida a todos os leitores:

Um filme que recomendo vivamente! A ver para quem gosta deste estilo, é cativante do primeiro ao último segundo.

De 0 a 10 avalio o filme em 7.5.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui