Steven Soderbergh prometeu em tempos deixar a carreira de realizador, felizmente voltou e está mais ativo que nunca. O seu próximo filme, “High Flying Bird” é um drama sobre basquetebol para a Netflix e filmado novamente com o smartphone.

Na realidade, Steven Soderbergh não chegou a ficar totalmente desligado do cinema, já que estabeleceu a sua própria empresa de produção e distribuição, a Fingerprint Releasing, e a partir dela concretizou “The Knick,” a série interativa “Mosaic,” “Sorte à Logan,” e “Unsane”.

Publicidade

High Flying Bird

“High Flying Bird” é filmado num iPhone 7 Plus modificado com lentes especiais, à semelhança do que já tinha acontecido com “Unsane”, o thriller sufocante de 2018 protagonizado pela sempre surpreendente Claire Foy.

Vê também: A24 divulga trailer norte-americano de “High Life”

O seu novo filme estreia na plataforma de streaming a 8 de fevereiro mas antes disso terá estreia mundial no Festival de Cinema Slamdance, a 27 de janeiro.

“High Flying Bird” foi escrito por Tarell Alvin McCraney, o oscarizado argumentista mais conhecido por ser co-autor de “Moonlight”, juntamente com Barry Jenkins.

André Holland é o protagonista, interpretando o papel do agente desportivo Ray Burke que tem de encontrar uma maneira de vender uma oportunidade de negócio controversa a um novato jogador de basquetebol durante uma paralisação da NBA.

De lembrar que Holland já tinha tido importante papel na infelizmente incompleta série de 2015 de Soderbergh, “The Knick”, passada num hospital de Nova Iorque no início no século XX e cuja grande estrela era Clive Owen.

High Flying Bird

O elenco de suporte de “High Flying Bird” inclui nomes como Zazie Beetz, Zachary Quinto, Kyle MacLachlan, Bill Duke, Sonja Sohn e uma das estrelas de “Stranger Things, Caleb McLaughlin.

Soderbergh junta-se assim aos inúmeros realizadores de alto gabarito que lançarão novos projetos através da Netflix este ano. A seguir ao filme de Soderbergh, estrearão os de Martin Scorsese (“The Irishman”), David Michôd (“The King”) e J.C. Chandor (“Triple Frontier”).

O próprio Soderbergh encontra-se a trabalhar num segundo drama para a cadeia de streaming chamado “The Laundromat” com Meryl Streep e Gary Oldman, sobre o escândalo dos Papéis do Panamá, e que, apesar de ainda não ter data de estreia prevê-se que possa acontecer no final deste ano.

Vê também: Netflix compra os direitos do próximo filme de Steven Soderbergh

“High Flying Bird” chega num momento em que as produções veiculadas pela Netflix finalmente parecem ter conseguido romper as barreiras tradicionais do cinema e dos seus prémios, já que “Roma” parece muito bem encaminhado na corrida ao Óscar para melhor filme.

Soderbergh já tinha trabalhado numa produção Netflix como produtor executivo da mini-série Western “Godless” e agora no seu novo filme é também editor e diretor de fotografia mas a banda-sonora foi composta por Thomas Newman.

“High Flying Bird” vai estar disponível a 8 de fevereiro mas entretanto pode ser visto o trailer oficial.