Jodie Foster vai realizar a adaptação da obra “The Day They Stole Mona Lisa” de Seymour Reit a partir de um novo argumento de Bill Wheeler.

Publicidade

Com o apoio do Los Angeles Media Fund, a duplamente oscarizada Jodie Foster conseguiu avançar com a realização da sua quarta longa-metragem sobre a história de verídica de quando, em 1911, a Mona Lisa foi roubada do Museu do Louvre, ao qual só foi devolvida quatro anos mais tarde.

Tratou-se de um roubo feito por um funcionário italiano, Vincenzo Peruggia, que acreditava que a obra de Leonardo da Vinci devia estar exposta no seu país de origem, Itália. O aparato em torno deste acontecimento acabou por fazer com que o quadro se tornasse mundialmente famoso.

O filme é uma mistura de “O Grande Mestre do Crime” (1968, com Steve McQueen) e “A Golpada” (1973, com Paul Newman) a partir de um novo argumento de Bill Wheeler.

Para além de “The Day They Stole Mona Lisa”, Jodie Foster encontra-se nas filmagens de “Prisoner 760” de Kevin Macdonald (“O Último Rei da Escócia”) e também irá realizar e protagonizar o remake do premiado filme islandês “Mulher em Guerra” (que estreou em Portugal a 28 de Novembro).