Rir, rir em tom sério e ser só sério. Steve Carell, um ator nato para fazer comédia, mas que não descarta um bom drama.

Steve Carell nascido no estado do Massachusetts, nos Estados Unidos da América, cumpriu em agosto do ano passado 56 anos. O ator encetou a sua carreira no mundo da sétima arte num filme de 1991, “A Pequena Endiabrada”. Agora, em 2019, conta já com mais de 30 longas-metragens na sua filmografia.

Vê também: Subtilezas (Des)Medidas – Os filmes que marcaram a carreira de Bruce Willis
Steve Carell
John du Pont e Mark Schultz.

Carell fez o seu percurso como ator sempre muito ligado à comédia, sendo uma figura central da série “O Escritório”. Um projeto televisivo com bastante qualidade que conseguiu reunir uma legião de fãs bastante significativa.

Porém, nos últimos anos, sem colocar de lado o registo cómico, Carell começou também a participar em dramas. São os casos de “Foxcatcher”, em 2014, e “Beautiful Boy”, do ano transato, onde se saiu muito bem. Entre estes títulos, o ator participou também em filmes que juntam os dois registos, como são exemplos “Uma Família à Beira de um Ataque de Nervos”, de 2006, e “A Queda de Wall Street”, de 2015.

Steve Carell