Misha Green, a criadora da série da HBO “Lovecraft Country”, é o novo nome agora confirmado para escrever e realizar a aguardada sequela de “Tomb Raider”.

Publicidade

“Tomb Raider 2” avança

O projeto de “Tomb Raider 2” avança, pois, a passos largos na MGM com esta novidade e torna-se no primeiro filme de Misha Green como realizadora, apesar de ter realizado um episódio da primeira temporada de “Lovecraft Country”, série baseada na obra homónima de Matt Ruff.

Misha Green, como escritora, esteve associada a série como “Sons of Anarchy” e “Underground” e é a autora do argumento do próximo filme de ação da Netflix, “The Mother”.

Tomb Raider 2” traz de volta a atriz sueca Alicia Vikander para o papel de Lara Croft, continuando as aventuras da famosa heroína dos videojogos na sequência do primeiro filme.

Ver Também: “Lovecraft Country” – A América dos monstros escondidos

Para já, não existem mais detalhes revelados sobre a história, sabendo-se ainda que a produção vai estar a cargo da FK Films, juntamente com a The Cantillon Company.

Ainda não existe data de estreia, mas a MGM planeia estrear o filme nos Estados Unidos através da United Artists e internacionalmente através da Warner Bros.

“Tomb Raider 2 ” anda a ser planeado desde 2019, com Amy Jump contratada para escrever o argumento da sequela e com Alicia Vikander confirmada para voltar a encarnar Lara Croft.

O marido de Amy Jump, Ben Wheatley foi anunciado, mais tarde, como realizador e que o filme estrearia a 19 de março de 2021, começando as filmagens em Inglaterra no ano que passou. A pandemia acabaria, claro, por alterar todos os planos e prazos.

O primeiro filme da segunda saga de filmes “Tomb Raider” estreou em 2018, realizado por Roar Uthaug e escrito por Geneva Robertson-Dworet, Alastair Siddons e Evan Daugherty.

O elenco incluiu, para além de Vikander, um bem sucedido, composto e competente conjunto de atores como Dominic West, Walton Goggins, Daniel Wu e Kristin Scott Thomas.

Este é a segunda saga de filmes inspirados nas aventuras de Lara Croft, já que Angelina Jolie já havia encarnado a mesma personagem no filme de 2001 “Lara Croft: Tomb Raider”, realizador por Simon West.

Um segundo filme estrearia em 2003, “Lara Croft: Tomb Raider – O Berço da Vida”, mas o facto de ter apenas granjeado cerca de 160 milhões de dólares em receitas de bilheteira, ao invés dos 274 milhões do primeiro filme, ditou o fim da franquia, que sofreu um reboot em 2018.

Ver Também: Subtilezas (Des)Medidas – Os filmes que marcaram a carreira de Angelina Jolie

A informação agora avançada sobre Misha Green foi avançada em primeira mão num exclusivo da Deadline, antes de ser notícia nas restantes publicações.