Robert Richardson é a mais recente adição a “Venom 2”, a sequela da Sony Pictures, ele que é o diretor de fotografia do mais recente projeto de Quentin Tarantino, “Era Uma Vez em… Hollywood”, segundo informação exclusiva veiculada pelo The Hollywood Reporter.

Considerado um dos mais prestigiados diretores de fotografia de Holllywood, Richardson já ganhou por três vezes o Óscar pelo seu trabalho em “JFK”, “O Aviador” e “A Invenção de Hugo”.

Publicidade

Robert Richardson junta-se agora a Andy Serkis, que foi anunciado muito recentemente ser o realizador da sequela de “Venom”, mas tem trabalhado com um número considerável de realizadores proeminentes, incluindo vários filmes de Oliver Stone, Quentin Tarantino e Martin Scorsese.

O mais recente filme em que colaborou é precisamente a tão esperada obra de Tarantino, que se encontra agora em exibição nas salas de cinema portuguesas, “Era Uma Vez em… Hollywood”. A sua colaboração com Tarantino estende-se ainda a “Kill Bill – A Vingança (vol. 1)”, “Kill Bill – A Vingança (vol. 2)”, “Sacanas Sem Lei”, “Django Libertado” e “Os Oito Odiados”.

Vê também: Andy Serkis vai realizar sequela de “Venom”

Com Scorsese, ganhou o Óscar por “JFK”, mas também trabalhou em “Platoon – Os Bravos do Pelotão”, “The Doors: O Mito de Uma Geração” e “Assassinos Natos “, entre outros.

“Venom 2” será a oportunidade para Serkis e Richardson voltarem a trabalhar juntos, já que Richardson foi diretor de fotografia do filme biográfico de 2017 “Vive”, a estreia de Serkis na realização.

“Venom 2” está previsto estrear em outubro de 2020. Tom Hardy irá retomar o seu papel como Eddie Brock e a ele juntar-se-á Michelle Williams. Woody Harrelson regressará igualmente ao elenco do filme como Cletus Kasady ou Carnage, como é conhecido.