Devido ao aumento súbito no consumo, o serviço da Netflix europeu vai ter uma qualidade de imagem mais reduzida

Devido ao Covid-19, a União Europeia teme que os serviços de streaming não aguentem a sobrecarga de espectadores. Todos os serviços foram aconselhados a  tomar medidas, a fim de impedir o congestionamento das redes e reduzir a pressão sobre os serviços de internet. A Netflix não tardou a responder ao apelo.

Vê também: Sequela de “Minions” e spin-off de “Saw” adiados, entre outros…

A partir de agora e durante um período de 30 dias, fica limitado o acesso a vídeos em alta definição, sempre que ocorrerem picos no consumo.  Numa altura em que o consumo disparou, o porta-voz da empresa emitiu um comunicado:

Estimamos que a medida reduzirá em 25% o tráfego da Netflix nas redes europeias, garantindo um serviço de boa qualidade para os nossos subscritores.

Tanto a Altice, Vodafone e NOS, as principais marcas no mercado doméstico de internet, telefone e televisão estão a reforçar a sua rede. Numa altura de isolamento social, os serviços de televisão e streaming obrigam a uma rede forte e sem quebras.

Em Portugal, os principais serviços de streaming são a Netflix, HBO Portugal, Amazon Prime Video e Apple TV+. Até ao momento, apenas a Netflix emitiu a sua medida. Também a Google admitiu reduzir a qualidade dos vídeos no Youtube.