DestaquesNotícias de TelevisãoSem categoriaTelevisãoHenry Cavill protagonizará a adaptação televisiva da série literária “The Witcher”

Há muito que é discutida uma adaptação moderna da série de livros de fantasia The Witcher (Wiedźmin, em polaco), da autoria de Andrzej Sapkowski. A Netflix e Henry Cavill vão dar vida à mesma! A série do autor polaco (hoje setuagenário) é composta por oito romances. Sword of Destiny – o primeiro volume – foi publicado em 1992. Season of Storms – o mais recente – foi lançado em 2013. A famosa e aclamada franchise já foi...

Há muito que é discutida uma adaptação moderna da série de livros de fantasia The Witcher (Wiedźmin, em polaco), da autoria de Andrzej Sapkowski. A Netflix e Henry Cavill vão dar vida à mesma!

A série do autor polaco (hoje setuagenário) é composta por oito romances. Sword of Destiny – o primeiro volume – foi publicado em 1992. Season of Storms – o mais recente – foi lançado em 2013. A famosa e aclamada franchise já foi traduzida para 20 idiomas.

O escritor polaco Andrzej Sapkowski
Vê também: Trailer oficial e novo poster de “The Favourite”, de Yorgos Lanthimos

A história geral acompanha Geralt de Rivia solitário caçador de monstros, numa épica jornada sobre destino e família. Este vive num mundo onde o Homem se haverá tornado mais perverso do que as criaturas selvagens. Quando conhece um poderoso feiticeiro e uma jovem princesa com um perigoso segredo, este deverá aprender a cooperar, iniciando uma viagem por um progressivamente volátil continente.

Na verdade, o material já foi adaptado para jogos e para os dois formatos audiovisuais. O filme e série polacos homónimos, de nome Wiedźmin (em inglês “The Hexer”), estrearam em 2001 e 2002, respetivamente. Ambas as produções foram protagonizadas pelo polaco Michal Zebrowski.

O caçador Geralt de Rivia

Em 2015, a produtora polaca Platige Image, responsável por “Anticristo” e “Melancolia”, do dinamarquês Lars von Trier, obteve os direitos da série literária e deliberava sobre uma adaptação cinematográfica americana para estrear em 2017. Precisamente em maio do ano passado, foi anunciado que a companhia estaria encarregue de uma adaptação televisiva em parceria com a Netflix e com a Sean Daniel Company (“A Múmia”).

No passado dia 4 de setembro, o serviço de streaming americano anunciou que o projeto estava em pré-produção e que Henry Cavill, o ator nascido na ilha de Jérsia, pertencente ao arquipélago das Ilhas Anglo-Normandas, protagonizará a série e, inclusive, já declarou ser fã dos livros e estar bastante ansioso para interpretar Geralt. O Super-Homem do presente Universo Cinematográfico da DC e o August Walker do recente “Missão: Impossível – Fallout” mostra-se, assim, em plena atividade e evolução profissional, expandindo-se para o mercado televisivo contemporâneo. Aliás, regressando à televisão pela primeira vez desde “Os Tudors” (2007-2010), uma série histórica da Showtime.

O ator Henry Cavill na estreia de “Homem de Aço”, de 2013

A produtora americana Lauren Schmidt Hissrich, que trabalhou como guionista em “Os Homens do Presidente” (1999-2006) será a criadora e produtora executiva. Esta anunciou ter um enorme carinho pelo material e descreveu o personagem Geralt como “estoico, circunspecto, equilibrado, feroz”, acrescentando que o mesmo terá um lugar mole no seu coração que apenas será revelado no final da série, ainda que não totalmente. Os realizadores soviético Alik Sakharov (“House of Cards”), argentino Alex Garcia Lopez (“Demolidor”) e francesa Charlotte Brändström (“Outlander”) encarregar-se-ão de quatro, dois e dois episódios, respetivamente.

A série terá oito episódios de um hora e será filmada na Europa de Leste. A Netflix aponta a estreia de “The Witcher” para uma data algures em 2020.

Francisco Quintas

Francisco Quintas

Amante compulsivo de cinema, clássico e moderno. Sintra, 18 anos, estudante na Área de Economia. Colaborador com o Cinema Pla'net desde Novembro de 2017.