O filme da Disney/Pixar “Toy Story 4” ultrapassou finalmente a fasquia de 1 bilião de dólares em receitas de bilheteira a nível global, colocando a Disney na estratosfera dos estúdios.

Com este resultado atingido agora, a Disney tornou-se no único grande estúdio com 5 filmes a atingir aquela fasquia ambiciosa no mesmo ano. Conta-se ainda com “Frozen II – O Reino do Gelo” e “Star Wars: A Ascensão de Skywalker” para elevar a 7 os filmes a atingir aquele número mágico.

Star Wars A Ascensão de Skywalker

Alguns estúdios rivais já admitiram derrota em relação à Disney até daqui a muito anos no futuro, especialmente depois da fusão com a Fox, que se revelou, claro, não tanto uma fusão, mas mais uma diluição da concorrência.

A Disney poderia, neste momento, atingir números de negócio a metade dos atuais e continuaria a derrotar o seu rival mais direto, a Warner Bros. Para já, este ano avizinha-se como o mais promissor para a Disney e ainda nem foi lançado o seu serviço de streaming, o Disney+.

Os restantes filmes que se encontram na lista anteriormente mencionada e ultrapassaram a fasquia do 1 bilião, são “Captain Marvel (Capitão Marvel)” ($1.1), “Vingadores: Endgame” ($2.795) – que quebrou o recorde de bilheteira detido por “Avatar” desde 2009 -, “O Rei Leão” ($1.3) e “Aladdin” ($1.03).

Na globalidade da indústria do cinema, são 6 os títulos que ultrapassaram aqueles números, para além dos 5 mencionados, faltando referir o filme da Sony/Marvel “Homem-Aranha: Longe de Casa” ($1.09).

homem aranha longe de casa

“Toy Story 4” arrecadou até à data 421.8 milhões de dólares em receitas de bilheteira no mercado norte-americano e 580 nos mercados além fronteiras internas. O filme começou com 120.9 milhões nos EUA, o melhor valor dentro da franquia, mas acabou por ficar aquém do esperado pela Disney, que seria entre 140 e 170 milhões de dólares.

Vê também: “Toy Story 4” é êxito global de bilheteira, menos na China

“Toy Story 4”, contudo, estava destinado a atingir o desejado limiar e, apesar de, por exemplo, ter sido o primeiro filme Pixar a não ter estreado no dia do pai nos Estados Unidos, acabou por tornar-se na melhor estreia a nível mundial para um filme de animação, arrecadando 244.5 milhões de dólares em receitas de bilheteira.

Para além de a Disney bater ainda o seu anterior recorde de ter 4 filmes a atingir a barreira do bilião, “Toy Story 4” é também o 4º filme Pixar a conseguir este feito, juntando-se a “The Incredibles 2: Os Super-Heróis”, “À Procura de Dory” e “Toy Story 3”.

à procura da Dory

A estes recordes e números impressionantes, junta-se o facto de “Toy Story 4” ainda não ter estreado na Alemanha e nos países da Escandinávia, pelo que ainda faltam contabilizar essas receitas. Neste momento, contudo, a Disney já quebrou o seu recorde de receitas de bilheteira, que se cifrava em 7.67 biliões e datava de 2016.

Com os restantes títulos ainda por estrear, como mencionado anteriormente nesta notícia, a Disney pode vir a tornar-se no único e primeiro estúdio dos 10 biliões de dólares.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui