Miguel Revel

HomeAuthorMiguel Revel, Autor em Cinema Pla'net | Página 2 de 118

Apaixonado por cinema desde criança, dos clássicos modernos de Nolan e Fincher às obras intemporais de Hitchcock e Welles. Licenciado em Ciências da Comunicação na Universidade Nova de Lisboa. Colaborador do Cinema Pla'net desde Agosto de 2015.

No início dos anos 70, Camilo de Sousa saiu de Lourenço Marques, Moçambique, andou pela Europa, juntou-se aos guerrilheiros da Frelimo e tornou-se cineasta. Hoje, a viver em Portugal, regressa a Moçambique para reencontrar dois camaradas de armas. Com Aleixo Caindi e Julião Papalo ele rememora tempos antigos, quando a alegria da libertação deu lugar aos tempos negros em que a procura do ‘homem novo’ veio destruir os sonhos e as ilusões de um país.

A Rainha Barb, membro da realeza do rock duro, ajudada pelo seu pai Rei Thrash, quer destruir todos os outros géneros de música para deixar o rock como o grande supremo. Com o destino do mundo em jogo, Poppy e Branch, acompanhados pelos seus amigos, partem para todos os outros territórios para unir os Trolls contra Barb e Thrash.

Duas jovens francesas, Kenza e Yaël, juntam-se a uma brigada internacional que partiu para lutar ao lado das mulheres curdas. A sua busca cruza-se com a de Zara, uma sobrevivente de Yezidi. Vindas de culturas muito diferentes mas profundamente unidas, estas Irmãs de Armas curam as suas feridas descobrindo a sua força e o medo que inspiram nos seus adversários.

Inspirado em eventos verídicos, o filme segue um grupo de pequenos criminosos que, em 1975 tentam fazer o maior assalto da história Americana, roubando mais de 30 milhões de dólares (mais de 140 milhões ao câmbio de 2020) da máfia, no estado mais pequeno do país, Rhode Island.