“Salve Satanás?” – Revolução Vinda do Inferno

0
399

A controvérsia bate à porta com este “Salve Satanás?”, um documentário sobre o surgimento e influência do grupo religioso The Satanic Temple.

Em pleno século XXI, as duas grandes religiões com mais seguidores continuam a ser o Cristianismo, que compõe cerca de 32% da população mundial, e o Islamismo, com cerca de 24%. 

Logo, em várias funções quotidianas e em vários sistemas sociais e culturais vimos a componente religiosa impressa, mesmo que isso não possa ser interpretado como uma imposição da mesma face a outras religiões e crenças. 

É face a esta ideia que surge, vindo directamente das catacumbas americanas, este “Salve Satanás?”, um documentário que fala sobre uma religião que tem como ponto central… Bem, Satanás

Este documentário, realizado por Penny Lane, segue o surgimento e a influência espontânea da igreja The Satanic Temple, que se dedica à religião satânica. Aqui, vimos a controvérsia que se gerou em redor delas à medida que eles iam ganhando relevância ao participar activamente na política e nas condutas sociais americanas. 

satan 1

Liderados por um indivíduo com o pseudónimo de Lucien Greaves, nós seguimos as pisadas deste grupo de desajustados socialmente e de rebeldes com causa própria a reunirem-se debaixo de uma mesma entidade e a revoltaram-se contra um sistema que promove a parcialidade e a falta de tacto para com os indivíduos diferentes da “norma”. 

Desde a sua estreia no Festival de Cinema de Sundance, em 2019, que “Salve Satanás?” tem vindo a ser recomendado por quem o vê e ser altamente discutido por várias entidades. E Isto não é por acaso.

“Salve Satanás?” é extremamente bem realizado, com perspicácia e interesse em informar o espectador sobre os acontecimentos, sem nunca esquecer a componente humorística que muito do que está a ser apresentado contém. 

Sem nunca ridicularizar nenhum dos pólos do espectro, Penny Lane tenta ser o mais imparcial possível e mostrar todos os pontos de vista da situação. Não consegue deixar de mostrar a reação negativa por parte da comunidade cristã ao surgimento desta igreja (muitas vezes de forma bastante pesada). 

satan 2

Enquanto espectador, conseguimos perceber as causas e motivos de cada um dos intervenientes. Percebemos que as pessoas pertencentes à The Satanic Temple queira dar um “abanão” ao sistema, mas também conseguimos perceber a revolta de certas pessoas devido ao uso de imagens fortes, chocantes e grotescas vindas deste grupo. 

Há certos momentos que poderiam ter sido mais explorados, principalmente para conseguir enquadrar a audiência que possa não estar familiarizada com certos conceitos ou acontecimentos, como o caso do abuso de ritual satânico –  um pânico moral que surgiu nos Estados Unidos nos anos 80. 

Tal como poderia ter sido interessante existir um maior contrabalanço neste “Salve Satanás?”.  Mostrar objectivamente os dois lados da mesma balança (a comunidade cristã e a comunidade satânica), sem extremismos e sem demasiada pressão para cada lado, para o espectador conseguir ter uma visão a 180º da situação.

satan 3

“Salve Satanás?” é, de facto, um óptimo documentário, bem realizado por Peggy Lane, diferente, actual e interessante. Apesar de nos confrontar com uma realidade estranha para muitos, considero que se deve ser abordado com uma mente aberta e dar uma oportunidade para compreender cada um dos lados. 

Mesmo que tenha de se benzer antes de carregar no play, ou abrir uma boa garrafa de vinho basta para se sentir confortável, “Salve Satanás?” merece ser visto e discutido por todas as partes interessadas em ver ideias e opiniões diferentes à que estão acostumados.

Disponível a partir de dia 30 de Abril em streaming, este filme distribuído pela Cinema BOLD chegará em data futura aos cinemas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui