A estrela de “A Guerra dos Tronos”, Emilia Clarke, irá interpretar o papel da poetisa Elisabeth Barrett em “Let Me Count the Ways”, com Björn Runge a realizar uma história de amor a partir do argumento de Paula Milne. O título vem no seguimento de uma conhecida frase de Barrett: How Do I Love Thee? Let Me Count the Ways.

Baseado numa história real, o filme girará em torno de uma ligação romântica entre a poetisa Elisabeth Barrett e o dramaturgo Robert Browning.

Publicidade

Damian Jones da DJ Filmes e a Bankside Films estarão na produção, sendo esta a segunda colaboração de ambas com Runge depois de “Belle” de Amma Asante. A Bankside Films detém ainda os direitos sobre as vendas internacionais e introduzirá o filme a compradores pela primeira vez em Cannes.

Vê também: Game of Thrones é a série mais assistida dos últimos anos

Emilia Clarke, como se sabe, é um dos nomes grandes de “A Guerra dos Tronos” e Björn Runge encontra-se igualmente em ascensão, depois do sucesso de “A Mulher”, com Glenn Close. Por outro lado, a vencedora de BAFTA Paula Milne é uma das mais proeminentes argumentistas do Reino Unido.

Passado em meados do Século XIX, o filme conta a história de Elizabeth na época em que vive na casa de família numa parte influente de Londres. Ganhou fama e reconhecimento pela sua poesia mas, enfraquecida por uma misteriosa doença, vive praticamente reclusa e dependente do láudano.

O impulsivo e vivaz Robert Browning entra na sua vida, despertando uma paixão que Elizabeth apenas tinha experimentado através da escrita. Contudo, quanto mais se aproxima de Robert, mais o seu pai irá lutar para retomar o controlo sobre ela.

Nos créditos de Emilia Clarke, para além da famosa série da HBO, contam-se os papéis em “Han Solo: Uma História de Star Wars”, “Spike Island”, de Mat Whitecross, de 2012, ou “Viver Depois de Ti”, de Thea Sharrock, de 2016.