CinemaDestaquesTrailersMads Mikkelsen a sobreviver ao Ártico

“Arctic” é o nome do novo thriller de sobrevivência que conta com Mads Mikkelsen no principal e quase único papel. O ator sobejamente conhecido (“Rogue One”, “Hannibal”) interpreta o papel de um homem, Overgård, que fica preso no Ártico juntamente com uma mulher que ficou em muito mau estado depois do avião em que seguia se ter despenhado. “Arctic” trata-se do filme de estreia de Joe Penna, realizador e argumentista de naturalidade brasileira cuja carreira...
Cátia Santos Cátia SantosJan 4, 20193 min
Género
Drama
Estreia
7 MAR. 2019

“Arctic” é o nome do novo thriller de sobrevivência que conta com Mads Mikkelsen no principal e quase único papel. O ator sobejamente conhecido (“Rogue One”, “Hannibal”) interpreta o papel de um homem, Overgård, que fica preso no Ártico juntamente com uma mulher que ficou em muito mau estado depois do avião em que seguia se ter despenhado.

“Arctic” trata-se do filme de estreia de Joe Penna, realizador e argumentista de naturalidade brasileira cuja carreira teve início no Youtube, e, pelas imagens do trailer, promete não só deixar o espectador colado à cadeira como também trazer uma atuação inesquecível de Mads Mikkelsen.

O papel de Mads faz lembrar um pouco outros filmes de sobrevivência em situações extremas, como o caso de Robert Redford em “Quando Tudo Está Perdido” (2013) ou Tom Hanks em “O Náufrago” (2000) e foi delineado por Joe Penna e Ryan Morrison, que partilha com o realizador a escrita do argumento.

Arctic

Vê também: O Cavalheiro com Arma – Sentimentalismo de faroeste

O filme foi integralmente rodado na Islândia, contando, aliás, com a participação da actriz islandesa Maria Thelma Smáradóttir no papel da mulher sem nome e que Overgård tentará a todo o custo salvar.

A distribuidora Bleecker Street está encarregue de levar o filme às salas norte-americanas a 1 de fevereiro mas em Portugal tem estreia marcada para 7 de março.

Cátia Santos

Cátia Santos

Sou apaixonada pelo cinema e pela escrita mas a minha primeira paixão foi a História. Em cada uma destas paixões estou como quando respiro e quero continuar a respirar assim.